Página Inicial
Galeria de fotos
Galerias
Livros publicados
Livros
Prêmios
Prêmios
Livros publicados
Crítica
Livros publicados
Contatos
Trasncriações
Trans-
criações

Poemas

NO TEMPO DA TANGERINA

    Para Urda Klueger

Que doce era a vida
no tempo em que se colhia
tangerina no pé.

Nem sempre se tinha.
Por isto, quando pendia amarela
à espera de alguém que a colhesse,
mais doce se dava.

Agora, nas gôndolas dos supermercados,
tem todo dia
e quase não se sabe
que, lá no pé, começa
na forma de uma flor.

Alcides Buss


EquipeDigital.com